ATENÇÃO!!! ESTAMOS DE CARA NOVA! SOLICITE UM RESET DE SUA SENHA E CRIE NOVAMENTE SEU ANÚNCIO DE CRIADOR!

O que é : Psitacose

Compartilhe

O que é Psitacose?

A psitacose, também conhecida como febre dos papagaios ou ornitose, é uma doença infecciosa causada pela bactéria Chlamydia psittaci. Essa bactéria afeta principalmente aves, como papagaios, periquitos, araras e pombos, mas também pode ser transmitida para seres humanos e outros animais. A psitacose é considerada uma zoonose, ou seja, uma doença que pode ser transmitida entre animais e humanos.

Transmissão

A transmissão da psitacose ocorre principalmente pela inalação de partículas contaminadas presentes nas fezes, secreções respiratórias e penas das aves infectadas. Além disso, o contato direto com aves doentes também pode ser uma forma de contágio. É importante ressaltar que a bactéria Chlamydia psittaci pode sobreviver por longos períodos no ambiente, o que facilita a sua disseminação.

Sintomas

Os sintomas da psitacose em aves podem variar, mas geralmente incluem apatia, perda de apetite, dificuldade respiratória, diarreia, emagrecimento e penas eriçadas. Já nos seres humanos, os sintomas podem se assemelhar a uma gripe comum, incluindo febre, calafrios, dor de cabeça, dores musculares e tosse. Em casos mais graves, a psitacose pode levar a complicações pulmonares e até mesmo à morte.

Diagnóstico

O diagnóstico da psitacose em aves pode ser feito através de exames laboratoriais, como a cultura de amostras de fezes ou swabs de cloaca. Já nos seres humanos, o diagnóstico é realizado por meio de exames de sangue, como a sorologia para detecção de anticorpos contra a bactéria Chlamydia psittaci. É importante procurar um médico veterinário ou um médico especialista em doenças infecciosas caso haja suspeita de psitacose.

Tratamento

O tratamento da psitacose em aves geralmente envolve o uso de antibióticos, como a doxiciclina, administrados por via oral ou injetável. Além disso, é fundamental fornecer um ambiente limpo e adequado para a recuperação das aves, com alimentação balanceada e água fresca. Nos seres humanos, o tratamento também é feito com antibióticos, sob orientação médica.

Prevenção

A prevenção da psitacose envolve medidas de higiene e manejo adequado das aves. É importante manter as gaiolas e viveiros limpos, com troca regular de substrato e desinfecção adequada. Além disso, é recomendado evitar o contato direto com aves doentes e utilizar equipamentos de proteção individual, como luvas e máscaras, ao lidar com aves potencialmente infectadas. A vacinação também pode ser uma medida preventiva em algumas espécies de aves.

Importância da Psitacose na Saúde Pública

A psitacose é uma doença de notificação obrigatória em alguns países, devido à sua importância na saúde pública. A transmissão da bactéria Chlamydia psittaci para seres humanos pode ocorrer através do contato com aves infectadas, especialmente em ambientes de criação intensiva ou em locais com grande concentração de aves, como pet shops e criadouros.

Conclusão

A psitacose é uma doença infecciosa que afeta aves e pode ser transmitida para seres humanos. É importante estar atento aos sintomas e buscar ajuda médica ou veterinária caso haja suspeita da doença. A prevenção é fundamental, através de medidas de higiene e manejo adequado das aves. O tratamento, quando necessário, envolve o uso de antibióticos. A conscientização sobre a psitacose é essencial para evitar a disseminação da doença e proteger a saúde de aves e seres humanos.

Compartilhe
20 Visualizações

Entrar

Preencha o formulário abaixo acessar sua conta!

Usuário ou e-mail *
Senha *
Lembrar-me

receba nossa NEWSLETTER

Preencha o formulário abaixo para se inscrever!

Nome *
E-mail *
Autoriza o envio de Whatsapp? *
Whatsapp *
Somente Whatsapp do BRASIL

Crie sua Conta

Preencha o formulário abaixo para criar sua conta!